Criar peixes em aquários domésticos

   

A criação de peixes em aquários domésticos não é complicada. Para quem nunca cuidou desse tipo de animais, parece um pouco desafiador, pois existem vários fatores a serem considerados antes mesmo de você começar, mas com um pouco de pesquisas você logo poderá estar com seus próprios peixes.

Em primeiro lugar é importante entender que você precisará buscar todas as informações necessárias referentes a espécie de peixes que pretende criar, especialmente se deseja ter um aquário com mais de uma espécie. Isto porque, cada espécie de peixe exigirá cuidados específicos. Um dos primeiros problemas é o PH da água, que irá variar de uma espécie para outra, por isso se você tentar criar peixes de espécies que precisam de um PH diferente no mesmo aquário uma das espécies acabará adoecendo e morrendo.

Muitas pessoas escolhem criar peixes por dar menos trabalho do que criar outros animais. Criar cães e gatos, por exemplo requer cuidados especiais e você precisa dar-lhes bastante atenção. Os peixes, por outro lado, requerem apenas os cuidados básicos para que sobrevivam e você pode continuar com sua vida. Como não são animais que conseguem interagir, da mesma forma que os mamíferos, você acaba não conseguindo identificar problemas, a menos que já seja tarde, se não prevenir. O peixe não tem como demonstrar que está sofrendo, você só percebe que algo está errado quando nota que ele está muito parado. É por isso que é tão importante realizar sempre todos os procedimentos exigidos para as espécies que está criando, pois embora não possam manifestar, eles sofrem e sentem dor.

Primeiro, decida onde você pretende colocar o aquário. Você terá que medir o local, para não comprar um aquário muito pequeno. Além disso, tente escolher um local com iluminação, mas que não pegue luz solar direta, pois isto irá aumentar a temperatura da água, o que será terrível para os peixes.

Sabendo o tamanho do aquário, é hora de comprá-lo. Mesmo que você queira criar um peixe Betta, que é um peixe pequeno, o ideal seria comprar um aquário de 20 litros. Esses peixes, por exemplo, podem ser criados em um aquário de 2 litros, mas não é o ideal, pois ele precisa de espaço. Além do aquário, é importante comprar todos os materiais que você vai precisar para cuidar bem dos peixes. Entre os materiais importantes, estão o medidor de PH, um termômetro, uma vez que a temperatura da água precisa ser sempre a mesma. Para poder regular a temperatura, é importante comprar um aquecedor específico para aquários domésticos.

Você precisa manter a água com os nutrientes e os níveis corretos de PH, por isso o medidor é tão importante. Como explicado, cada espécie irá precisar de níveis diferentes de ph, assim, converse com o vendedor para saber se os peixes que você está comprando são compatíveis com os que você já cria.

Uma das espécies de peixe que muita gente gosta de criar é o peixe Betta, o  (Betta splendens) que é uma espécie bem fácil de criar. Este tipo de peixes pode ser criado em aquários pequenos, e não requer tantos cuidados.

Para criar esta espécie de peixe, a temperatura da água deve ser de 26°C e o nível de PH de 7.0. O tamanho ideal de aquário para este peixe é de 40 litros, embora como explicamos, ele possa viver em aquários muito menores, mesmo que não seja bom para ele. No fundo do aquário, você pode colocar cascalho ou areia. Além disso, é bom colocar algumas plantas, para embelezar seu aquário, mas para ajudar a melhorar a qualidade da água. Estes peixes são muito agressivos, por tanto devem ser criados em aquários separados ou apenas com fêmeas, para evitar problemas no seu aquário.

Existem outros cuidados importantes. Quando for colocar plantas no aquário, escolha plantas adequadas e preste atenção, pois algumas plantas acabam morrer e começam a poluir a água rapidamente. Estas plantas devem ser retiradas e substituídas. Outro cuidado importante é com a alimentação. Você nunca deve simplesmente jogar a ração dentro do aquário para os peixes. Coloque a ração aos poucos, pois a ração que não é ingerida fica no fundo do aquário e ajuda a estragar a água.

Como você está percebendo, é preciso cuidar da água da melhor forma possível, pois é ela que vai garantir a sobrevivência e a beleza dos seus peixes. Uma das lendas que muita gente acredita é que o melhor tipo de água para colocar no aquário é a água mineral; isto não é verdade. A água mineral não tem os nutrientes que o peixe precisa para sobreviver, pois é adequada para o consumo humano, não dos peixes. Você pode utilizar água da torneira, desde que verifique os níveis de DH, que é o grau de dureza da água, este nível pode ser medido pela quantidade de sais.

Além do peixe Betta, existem outras espécies que você pode criar no seu aquário, desde que tenha espaço e as espécies sejam compatíveis. Uma dessas espécies é o Plati, um peixe pequeno, mas muito colorido. Para criar o Plati, a temperatura da água deve estar em 25°C e o nível de PH deve ser de 7.3. Idealmente, o aquário deveria ter 50 litros, embora você pode criá-los em um aquário um pouco menor. Alguns criadores utilizam o Plati para controlar a quantidade de algas no aquário, mas outros os utilizam para reprodução, especialmente se são criadores de peixes maiores, pois ele serve de alimento para outros peixes. Outro ponto favorável para a criação de Platis é o fato de conviverem bem com outras espécies de peixes, você pode criá-los junto com Guppys, Mollys e Espadas.

Existem ainda muitas outras espécies de peixes que você pode criar em casa, basta conversar com um vendedor que entenda do assunto. Tenha cuidado para dar-lhes a alimentação adequada, pois eles precisam receber outros alimentos, além de ração. Se você começar a criar peixes, em pouco tempo terá vontade de começar a reproduzi-los, o que é muito recomendável, pois você poderá ter seus próprios peixes e experimentar, selecionando peixes da mesma espécie com padrões de cores para ver o que acontecerá. Todas as pessoas apaixonadas por peixes começam a tentar reproduzi-los, mas antes é preciso informar-se corretamente sobre os procedimentos, pois você precisará escolher os peixes e modificar sua  alimentação, fornecendo-lhes as proteínas necessárias.

Gostou do post? Então cadastre-se e receba novidades!

Digite seu email:

Tem algo a dizer sobre isto? Então comenta!


WP Like Button Plugin by Free WordPress Templates